Projeto dividiu opiniões entre os vereadores e não foi votado na sessão do dia 3 (Foto: Divulgação)

Projeto dividiu opiniões entre os vereadores e não foi votado na sessão do dia 3 (Foto: Divulgação)

Na última sessão da Câmara de Jaboticabal, realizada no dia 3 de novembro, foi apresentado um projeto que pretende instituir a Taxa Municipal de Resíduos Sólidos Urbanos, conhecida como “taxa do lixo”, destinada a custear os serviços públicos de coleta, transporte, tratamento e destinação final dos resíduos sólidos em Jaboticabal.

O projeto dividiu opiniões entre os vereadores e não foi votado, pois sofreu pedido de vistas, que acontece geralmente quando os edis querem mais tempo para fazer o estudo.

Ouça a reportagem com o vereador João Roberto (PT):