Ronda é cortada em maio

Ronda é cortada em maio

O Secretário de Administração e Recursos Humanos da Prefeitura, Cesar Poletti, afirma que a ronda escolar de Jaboticabal foi cortada a partir do dia 4 de maio.

Na ronda, trabalhavam 12 funcionários concursados que foram designados para suas funções de origem – de vigia. Antes do corte, segundo o secretário, a função não era legal, pois um dos serviços se tratava de controle de trânsito, o que não está previsto no contrato – um dos principais motivos do corte.