UPA atende cerca de 300 pessoas por dia, segundo coordenadora (Foto: Divulgação/Site Prefeitura)

(Foto: Divulgação/Site Prefeitura)

A Comissão Especial de Inquérito (CEI) que investiga supostas irregularidades nos atendimentos realizados na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Jaboticabal, realizou mais uma oitiva nesta semana, onde um médico da COMED, empresa que prestava serviços para a UPA, foi interrogado pelos vereadores que compõem a CEI.

O vereador petista João Roberto, presidente da comissão, falou sobre a oitiva que ocorreu na última terça-feira (06).

Ouça a reportagem: