A procura pelos populares filtros de barro teve aumento neste ano e, em alguns locais, os bebedouros elétricos foram até substituídos pelos tradicionais feitos de argila.

Uma empresa de Jaboticabal do ramo ceramista produz cerca de 60% filtros de barro do Brasil. O diretor superintendente da cerâmica, Emilio Garcia Neto, informou ao Jornal 101 que houve aumento na produção e explicou como está o ramo, mesmo em tempos de crise no país.

Ouça a reportagem:

De acordo Emilio Garcia Neto, superintendente da principal cerâmica jaboticabalense, maior produção de filtros de argila do Brasil é de Jaboticabal (Foto: Fábio Penariol/Jornal 101)

De acordo Emilio Garcia Neto, superintendente da principal cerâmica jaboticabalense, maior produção de filtros de argila do Brasil é de Jaboticabal (Foto: Fábio Penariol/Jornal 101)