Quem recebeu o auxílio emergencial indevidamente em 2020 terá problemas no Imposto de Renda. O presidente da Associação dos Contabilistas de Jaboticabal, Carlos Ferreira comentou sobre o assunto. Confira!

Download